CM Insta Header
CM Header
Home / Riscos e Rabiscos, o desenho artístico em alta na arquitetura

Talento livre

A arte dos desenhos arquitetônicos pode chegar ao sublime. Um bom exemplo vem de parte dos vencedores do Architecture Drawing Prize, do World Architecture Festival.

 

 

 

 

Principal ganhador e também vencedor na categoria de imagens híbridas, no Architecture Drawing Prize , trata-se do “Memento Mori: a Peckham Hospice Care Home”, do estudante de arquitetura Jerome Xin Hao Ng (Singapura). Ele retrata desde uma perspectiva aérea e cortes os diversos ambientes, suas interações e até questionamentos do ponto de vista humano (vale reparar no homem que cai de paraquedas no local). Este trabalho faz parte do seu projeto de conclusão de curso na The Bartlett School of Architecture, University College London (Reino Unido)

Drawing Prize1

 

 

 

 

“Cenários Para uma Paisagem Pós-Crise”, de Dimitrios Grozopoulis (Grécia), conduz a um panorama melancólico, pós-industrial. O desenho do jovem arquiteto, que atualmente vive em Londres, foi recomendado pelos juízes do prêmio devido à sua “qualidade assombrosa… com um extraordinário controle de linha”. Venceu na categoria de desenho à mão.

 

Drawing Prize2

 

 

 

 

 

O “Purgatório de Águas Profundas”, de Christopher Wijatno (Indonésia),  representa  uma prisão em alto mar, a modo de plataforma petrolífera. Wijatno, que mora em Singapura, se depara no dia a dia com o aumento da população, a falta de espaço e de sustentabilidade. Ganhador na categoria digital.

 

Drawing Prize3

 

 

 

 

 

 

Por  Angela Villarrubia 
Imagens Divulgação
Matéria publicada em CM 181.

 

Faça o download do app CM e tenha acesso à todas as edições!

Review overview
NO COMMENTS

POST A COMMENT