CM Header
Trisoft
Home / Água na boca

Água na boca

Conheça a seleção feita pela Casa e Mercado, com cozinhas e espaços gourmet para todos os gostos.

Sim, Chef!

Funcionais, belas e tecnológicas – e ainda com um cheirinho delicioso de comida! Afinal, não é sem motivo que as melhores conversas ocorrem nas cozinhas e nos espaços gourmet.

Com 16 m² e localizada na Vila Madalena (São Paulo), a área gourmet foi ideada por Luiz Paulo Andrade para uma família com duas crianças e que adora cozinhar. A mesa de concreto, executada durante a obra, conversa com parte da parede, do mesmo material. Para trazer cor, um parchwork (Dalle Piagge) a reveste em uma das laterais, em um contraste harmonioso. Também são cheias de personalidade as cadeiras Esqueleto, de Pedro Franco (ALot Of). Para ganhar espaço, armários foram colocados sobre a mesa e são de laminado melamínico de baixa pressão (Contexto Marcenaria). Os inferiores, por sua vez, são em BP Ultra Branco (Dipanny Marcenaria), onde se apoia a bancada em U feita de Corian, no fundo do ambiente. Eletrodomésticos Brastemp e Electrolux.

Despojado e descontraído, o apê foi pensado para uma carioca que acabara de se mudar para São Paulo. De metragem pequena, deveria aproveitar ao máximo os espaços. Assim, a cozinha de 5 m² perdeu uma das alvenarias para integrar-se ao living. A porta que antes a separava da área de serviço também foi retirada. “Depois disso, retiramos a pequena bancada de granito cinza da cozinha e o tanque de louça com coluna da área de serviço e instalamos um único tampo de quartzo branco [Neogran] onde foram embutidas a cuba e um tanque de inox”, contam Heloisa Samaia, Maria Carolina Whitaker e Milena Yamaguti, do Samaia Arquitetura , à frente da reforma. Os azulejos com estampas geométricas (Lurca) delimitam bem a área da cozinha, que ganhou armários Bontempo (os superiores, em tom forte, com pendentes na mesma cor, da Golden House). Eletrodomésticos Brastemp. A divisão de ambientes também fica marcada por um aparador (Marcenaria Fonseca).

A cozinha de 6,7 m², em São Paulo, está no primeiro apartamento do casal, que desejava um lar recheado de elementos retrôs. Integrada à sala de jantar, recebeu porcelanato liso e estampado, que forma uma espécie de tapete (ambos da Roca). Na parede, o brick (Decortiles) remete às antigas estações de metrô. “Com a integração, a cozinha perdeu uma das paredes que continha armários. Para suprir isso, criamos um móvel que funciona como aparador no dia a dia e também acomoda as louças”, explica Antônio Armando de Araujo . Eles ganharam laca fosca acetinada, enquanto a bancada é em granito cinza andorinha (Demargran). A mesa de madeira maciça, herança de família, foi rodeada por cadeiras da OR Design. Geladeira Panasonic.

Ao reformar a cozinha de 25 m², em São Paulo, Marta Sá Oliveira a imaginou como uma continuação da área social, com ar-condicionado, nichos para livros e plantas, espaço para preparação gourmet e para refeições rápidas, além de uma adega para o casal sênior. O revestimento cerâmico traz geometria e muita personalidade a duas paredes (Portoro). A bancada de apoio, em Corian, para pré-preparos, também guarda os equipamentos de apoio e utensílios, tudo ao alcance das mãos. A mesa acoplada ganha cadeiras da Vitra (by Firma Casa). Uma pequena horta em vasinhos traz o frescor do verde e estimula a criatividade. Eletrodomésticos Viking e Tecno. Móveis planejados da Ornare.

“O imóvel é de 1964 e a cozinha era original. Para adaptá-la, mudei a entrada e a integrei com a copa e a sala”, explica Gustavo Motta, ao reformar o próprio apê , em São Paulo. A parede deu lugar a uma porta de correr de madeira. Uma ilha central, em quartzo branco (marcenaria FAVO), serve de apoio e é perfeita para refeições rápidas. Ela recebeu banquetas Bossa, de Jader Almeida. Os armários planejados acomodam os eletrodomésticos (Electrolux, Elettromec e Brastemp) e, na parede, um óleo sobre tela retrata a avó da família, dividindo espaço com uma gravura. A iluminação harmoniza com a do living. “Como o pé-direito original da cozinha era bem mais alto que o da sala, adotei como solução os rasgos de luz no gesso”, explica.

Adriana di Garci a reformou a cozinha em L de 18 m², em São Paulo, para um casal jovem que adora receber amigos para bons jantares – o que faz da cozinha um ambiente vital!. A ideia foi apostar nas cores – como o vibrante ladrilho hidráulico (Criação Z) que reveste uma das paredes e a frente dos armários e gavetas (Marcenaria Eduardo Amadio). Uma foto adesivada de temperos confere uma pitada a mais de personalidade. A bancada foi produzida em Corian (Infinita), e ganhou uma mesa de vidro encaixada. Este mesmo material foi usado como divisória, para evitar respingos na área do cooktop. As cadeiras são da Vmobili. O robusto refrigerador é Samsung.

Com 15 m², a cozinha em São Paulo para um jovem casal teve conceito monocromático, mas que exaltava diferentes texturas – como o mosaico em inox escovado e vidro, nas paredes (Porto Design). Para contrastar, a designer de interiores Juliana Torres introduziu detalhes em tons de laranja ou terracota, em que o adesivo que remete ao universo gastronômico se destaca. A bancada é em granito preto São Gabriel, com laminado melamínico brilhante na área alaranjada. Todo mobiliário foi feito sob medida (MADA Marcenaria). “Colocamos também uma hortinha que a cliente usa em seu dia a dia, resgatando o apelo no cultivo dos alimentos”. Geladeira Samsung; demais eletrodomésticos, Brastemp. Torneira Docol.

Colorida, alegre e arejada – assim é a cozinha de 20 m², no Guarujá (SP). Reformada por Ieda e Carina Korman, do Korman Arquitetos , foi pensada para um casal e seus filhos adolescentes, que adoram ambientes contemporâneos. “Por se tratar de uma casa de praia, achamos mais prático ter um espaço aberto, pois assim o casal poderia participar das atividades da casa juntamente com seus filhos e hóspedes”, explicam. Por isso, segue a mesma linguagem das áreas sociais, com parede clara e o mesmo piso cerâmico. A ousadia vem dos armários, revestidos em laca amarela brilhante e madeirado laminado plástico (Florense). A bancada em U é em Corian (Serplac), e ganha cuba dupla. Os espaçosos armários no corretor sem saída abrigam os eletrodomésticos (Electrolux).

“Derrubamos a parede de um depósito para ampliar a cozinha e acomodar uma mesa”, expõem Priscila e Bernardo Tressino, do PB Arquitetura , que reformou o espaço de 16 m², em São Caetano do Sul (SP), para um casal de meia idade. Como a base era clara, a parede da pia ganhou vida com pastilhas multicoloridas (Glass Mosaic). A mesa foi feita em porcelanato Super White (Marmoraria Pedra Júlia) e é rodeada por cadeiras de Philippe Starck. Uma cristaleira com pouca profundidade expõe a coleção de porcelanas adquiridas em viagens e esconde as portas de correr de vidro. Planejados Bontempo.

A paleta neutra foi selecionada para o espaço gourmet do casal de meia idade, sua filha e três pets. Com cerca de 15 m², está em um apartamento de São Paulo, com projeto de interiores de Marcela Muniz, Renata Adoni e Mariana Bilman, do MAB3 . Em uma das extremidades do mesão está a varanda com churrasqueira; na outra, o cooktop se projeta graças ao volume laqueado azul com tampo de quartzo, proporcionando uma altura confortável para o trabalho. Em sintonia, as cadeiras Dunelli têm tecido no mesmo tom, combinado com couro. Por estar integrada à sala, os equipamentos ficam escondidos nos móveis sob medida. A parede é revestida com ripas de concreto moldadas em tábuas de madeira. Uma prateleira recebe pinturas e gravura apoiadas. Coifa Suggar; cooktop e geladeira Brastemp.

Denise Zaborowsky e Roberta Iervolino Giglio, da ZAI Arquitetura , reformaram a cozinha de aproximadamente 10 m², em São Paulo, para um jovem casal. “A ideia foi fazer um ambiente funcional e agradável, com a possibilidade de integração ou não com a sala, que pode ser separado por grandes portas de correr”, contam. Com linhas retas e cores neutras, tem como diferencial o delicado azulejo estampado (Baepi), na parede, e uma das portas do armário da Novaes Ferreira em um alegre tom de azul. A bancada é em granito preto São Gabriel, executada pelo marmorista Ricardo Firmino. Eletrodomésticos Brastemp.

Por Marcela Millan
Imagens Gui Morelli, Ines Antich, Mariana Orsi, Sidney Doll, Thiago Travesso, Wagner Silveira e divulgação

Review overview
NO COMMENTS

POST A COMMENT