CM Header
CM Insta Header
Home / Diretor da premiada Toldos Dias, Amaury Dias preza por estimular equipe e propor desafios

Top of Mind!

Para Amaury Dias, um líder deve proporcionar desafios para engajar a equipe, estimulando respostas criativas, e precisa estar conectado com tudo e com todos.

 

 

 

 

IMG_5122-2

 

 

“Para lidar com as crises, o líder deve ser bastante

claro e transparente, informando a situação real a seu time”.

 

Amaury Dias, diretor superintendente da Toldos Dias.

 

 

 

 

 

 

 

Conheça a história de Amaury Dias, diretor superintendente da Toldos Dias, empresa familiar vencedora do prêmio Top of Mind CM em todas as suas 20 edições. Nesta entrevista exclusiva ele compartilha um pouco sobre esse case de sucesso, mostrando que de seu pai herdou muito mais do que um nome ou empresa. Com visão empreendedora, Amaury afirma que um trabalho atento, que visa tanto qualidade quanto um bom relacionamento com o cliente, é essencial para a longevidade de uma empresa. E ainda sobra tempo para um olhar solidário. Confira na entrevista a seguir!

 

 

 

Conte um pouco da sua trajetória profissional.
 Iniciei minha vida profissional em 1970, aos 17 anos, na Toldos Dias –  empresa de minha família. Lá dentro conheci diversos procedimentos, trabalhando em várias áreas, como no controle de materiais, suprimentos, área industrial, administração, vendas e marketing. Assim, tive uma visão ampla de como a empresa funcionava. Em 1975 assumi um cargo na diretoria da Toldos Dias, na área de marketing e vendas e desenvolvimento de produtos. Após o falecimento de meu pai, em 1992, assumi o cargo de diretor superintendente. Sou formado em economia e administração de empresas pela antiga Faculdade de Economia São Luís. Também cursei pós-graduação em marketing na Getúlio Vargas, em São Paulo.

 

Conte a história da Toldos Dias.
 A empresa surgiu em São Paulo, em 1948, como uma representação comercial para a venda de toldos e de luminosos. Meu pai, Amaury Pereira Dias, foi seu fundador. Na época, a demanda para esse tipo de produto era pequena, restringindo-se ao setor comercial no centro da cidade. Mas ele apostou no crescimento da procura. A utilização em residências começou somente na década de 1970, tornando-se mais popular a partir de então. Posteriormente a Toldos Dias se transformou em indústria, expandindo-se para todo o país e mantendo sua raiz brasileira. Sua estratégia sempre foi a de lançar produtos inovadores, conforme as tendências mundiais do mercado. Hoje, com 70 anos, é Top of Mind CM por 20 vezes consecutivas e possui uma gama de produtos diversificada, englobando toldos, pérgulas, tendas, coberturas, ombrelones, rolôs.

 

Qual o seu papel no desenvolvimento da empresa?
No princípio, foi o de profissionalizá-la, com novas técnicas de administração. Meu papel também é o de estabelecer novas linhas de produtos compatíveis com o mercado internacional, sempre atento às demandas – afinal, a empresa precisa se manter atualizada. Introduzi também o marketing na Toldos Dias, tornando a marca mais conhecida. O marketing direciona a empresa conforme as tendências do mercado e as necessidades dos clientes, algo essencial em todos os ramos.

 

Quais as principais funções de um líder?
O líder tem que direcionar sua equipe, agregando, motivando a todos os que estão ao seu redor. Ele deve também estar sempre atento a todos, pronto para despertar a iniciativa em seus colaboradores. Para isso, um líder também precisa propor desafios a sua equipe, buscando trazer à tona o melhor de cada um a seu redor.

 

Como um líder identifica um talento?
Quando percebe que um membro se mostra criativo e pró-ativo dentro da equipe, destacando-se dentre os demais. O líder pode extrair dele muito potencial, ajudando a revelar o seu talento.

 

Qual o principal desafio de um líder?
 Estar sempre conectado com tudo e com todos. Por isso, fico permanentemente atento aos mercados nacional e internacional de nosso produto e também em relação à economia, por meio da mídia especializada. Para ajudar nesse contato com o mercado, participo ativamente como diretor financeiro do Sindicato da Indústria de Esquadrias e Construções Metálicas do Estado de São Paulo (Siescomet), ligado à FIESP, e sou vice-presidente na divisão de toldos da Associação Brasileira de Persianas, Cortinas e Toldos (Abrape).

 

Como um líder gerencia as crises?
Para lidar com as crises, o líder deve ser bastante claro e transparente, informando a situação real a seu time. Ele também deve envolver o maior número possível de colaboradores na busca de soluções inteligentes.

 

Quais as práticas e posturas necessárias para uma empresa ganhar mercado e manter-se na liderança?
 A empresa precisa ser inovadora, focada no cliente e atenta às transformações do mercado. Temos que ter o cuidado de sempre oferecer produtos inovadores, com design, tecnologia e, claro, muita qualidade. Assim nos mantemos como líder de mercado, algo que pode ser comprovado pelos resultados do Prêmio Top of Mind CM, no qual a Toldos Dias sempre foi consagrada.

 

Como funciona o desenvolvimento de novos produtos?
 A criação e execução de novos produtos deve ter como referência as necessidades do mercado brasileiro e o acompanhamento dos maiores players do mercado mundial. Usamos as mais novas tecnologias a nosso favor, tendo sempre em vista quem é nosso tipo de consumidor, para quem estamos produzindo. Como exemplo, nossos produtos foram especificados para um hotel de seis estrelas da cidade de São Paulo – foram mais de 100 toldos da marca, em um dos maiores projetos da empresa no ano passado.

 

Quais as apostas para 2018 e o que devemos esperar de novidade?
Neste ano estamos lançando, em comemoração aos 70 anos da empresa, um produto que vai revolucionar o mercado brasileiro de toldos e coberturas: a Pérgula 5000 Max, retrátil, com iluminação LED e projeção de até 10:00 m. Ela propicia ambientes externos protegidos e ainda conta com visual contemporâneo, com toda a tecnologia e expertise da Toldos Dias.

 

Como é o relacionamento da empresa com os especificadores?
É realizado por meio de visitas pessoais, redes sociais e-mail marketing. Prezamos muito por esse tipo de contato, que deve ser cuidadoso e direto. Um bom e estreito relacionamento é essencial.

 

O que a Toldos Dias faz pela valorização de seus funcionários?
A empresa promove treinamentos periódicos, além de oferecer apoio em cursos externos, Também conta com um programa de participação nos resultados.

 

Como é seu cotidiano fora da empresa? Quais os seus hobbies?
 Gosto de leitura, música erudita e aprecio bons vinhos. Há 15 anos também me dedico a trabalhos voluntários, ao lado de minha esposa. Por cerca de dez anos temos auxiliado na direção da Casa de Convivência, entidade de acolhimento para moradores de rua em São Paulo. Nos últimos cinco anos também temos participado da direção da Creche Maria de Nazaré, no bairro do Butantã, entidade que acolhe a cerca de 140 crianças de 0 a 4 anos da Comunidade São Remo. Ambos os espaços estão ligados à Paróquia São Luís, da Ordem dos Jesuítas.

 

Toldos Dias

 

 

 

 

 

Por  Marcela Millan
Imagens Phoética Atelie Fotográfico
Matéria publicada em CM 180.

Faça o download do app CM e tenha acesso à todas as edições!

Review overview
NO COMMENTS

POST A COMMENT